Como a maior cobra que já existiu no mundo foi extinta? Um predador ainda mais poderoso poderia ter acabado com ela?

Cerca de 58 milhões de anos atrás, uma monstruosa serpente gigante deslizou nas selvas pantanosas e florestas da América do Sul e começou seu reinado de terror, foi a gigantesca Titanoboa.

A titanoboa é a maior cobra que já existiu no mundo, um verdadeiro monstro que chegava a 15 m de comprimento, um metro de diâmetro e pesava mais de uma tonelada.

Sem a competição dos dinossauros, esta cobra foi o maior predador do planeta Terra por cerca de 10 milhões de anos.

Já pensou como era viver no mesmo período dessa incrível criatura? Ela era assustadora e tocava o verdadeiro terror no planeta

Seu descobrimento se deu em 2009 no norte da Colômbia e sugere que ela vivia em selvas pantanosas na região.

Veja também Píton vs Anaconda: Quem é a maior cobra do mundo atualmente.

Você sabe como as cobras tem filhotes? Veja como as cobras se reproduzem.

Essa enorme cobra não era venenosa, Isso por que ela nem precisava de veneno, com esse enorme tamanho que tinha se ainda fosse venenosa ai já era apelação.

Ela era semelhante às atuais sucuris e pítons que matavam suas vítimas enrolando seu poderoso corpo musculoso e apertando a até a morte.

Tá, mas aí fica aquela grande pergunta, como um predador tão poderoso e assustador foi extinto?

Será que um outro predador ainda maior teria dado cabo da titanoboa?

Embora ninguém saiba a razão exata pela qual a titanoboa foi extinta, duas teorias foram apresentadas por estudiosos.

Mudança Climática

A mudança climática provavelmente desempenhou um papel importante na extinção da titanoboa.

A teoria que o declínio das temperaturas globais impõis tamanhos menores para os répteis e o surgimentos de tipos de cobras menores para substituí-los.

O clima mudou drasticamente o que levou muitos animais a extinção e depois quando surgiram outras cobras, elas não cresceram tanto como a titanoboa.
Essa é uma teoria bem aceita e que pode ter realmente acontecido.

Mudança do Habitat

maior cobra que já existiu
Titanoboa Extinção

A mudança do habitat onde a titanoboa vivia, pode ser outra possibilidade para explicar causa da sua extinção.

Como falamos ela vivia no norte da Colômbia e acredita-se que passava o maior tempo dentro de rios e em áreas pantanosas.

Os rios podem ter secados, as águas podem ter ficado tóxicas, as presas podem ter acabado e diversas outras coisas podem ter acontecido.

No entanto é possível que variações temporais a sua distribuição geográfica pode ter sido maior do que sabemos agora, mas isso deve ser confirmado por outras descobertas fósseis.

Talvez ela tenha rastejando até pelo Brasil, na região norte, ali na Amazônia e Acre.

Mas quem sabe o que ainda está por baixo do chão, talvez os cientistas encontrem fósseis de cobras ainda maiores que percorreram o planeta a milhões de anos atrás.

Você concorda com essas teorias ou você acha que foi um Predador ainda maior que levou a titanoboa para extinção? deixe nos comentários sua opinião.

São curiosidades bem interessantes você num acha? Conheça o canal Maiores do mundo no youtube e veja diversas curiosidades como essa.

Veja também:

As cobras mais mortais do mundo

A maior cobra do mundo no guinness book

Cobra real a devoradora de cobras